Nossas atividades pelos centenários

100 anos de Celso Furtado e

Florestan Fernandes

Em Julho de 2020 Celso Furtado e Florestan Fernandes fariam 100 anos. Para marcar este centenário, criamos esta página que apresenta textos, videos, entrevistas, expressões artísticas sobre dois grandes intérpretes do Brasil. As contribuições são dos colaboradores do LEMA e seus parceiros.


Videos de entrevistas e rodas de conversa

Desenvolvimento e Subdesenvolvimento, Cultura, Planejamento, Formação Econômica do Brasil.

Celso Furtado era um dos mais destacados intelectuais brasileiros no estudo desses e de outros tantos temas.

Para uma conversa sobre a atualidade do pensamento desse intérprete do Brasil , Maria Malta e Jaime León entrevistam Plínio Sampaio Junior


Mauro Iasi , professor da Escola de Serviço Social da UFRJ está NO OLHO DO FURACÃO e fala sobre Florestan Fernandes.

Fernando Henrique Lemos Rodrigues, professor do Instituto Tres Rio da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro fala sobre ” Capitalismo Independente e Imperialismo Total ” em Florestan Fernandes para Carla Curty ( UFRRJ), Jaime León ( UFRJ), Hellowa Correa ( UFRJ) e Gabriel Campos (UFRJ)

João Paulo Hadler, professor do Instituto Tres Rio da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro fala sobre ” As raízes estruturais da crise brasileira ” em Celso Furtado para Carla Curty ( UFRRJ), Jaime León (UFRJ), Wilson Vieira ( UFRJ), e Gabriel Campos (UFRJ)

Leda Paulani professora da Universidade de São Paulo fala sobre Celso Furtado para Maria Malta( UFRJ), Jaime León (UFRJ), Wilson Vieira ( UFRJ), Gabriel Campos (UFRJ) e Pedro Brandão(UFRJ)


Roberto Leher, professor da Faculdade de Educação e ex-reitor da UFRJ fala sobre educação pública para Maria Malta(UFRJ), Carla Curty (UFRRJ), Wilson Vieira(UFRJ), Jaime León (UFRJ), Gabriel Campos (UFRJ) e Pedro Brandão(UFRJ).


Virginia Fontes, historiadora, professora da Universidade Federal Fluminense, conversa com Maria Malta(UFRJ), Carla Curty(UFRRJ), Jaime León(UFRJ), Pedro Gama (UFRJ), Matheus Sadde (UFRJ) e Diego Correia(UFRJ) sobre a situação da classe trabalhadora.

%d blogueiros gostam disto: